PDF Imprimir E-mail

 

DIA: 25-10-2011, início 19 hs

  • Apresentação: Marília de Abreu Martins de Paiva,

 

Possui graduação em Biblioteconomia pela Escola de Ciência da Informação da Universidade Federal de Minas Gerais (2004) e Mestrado em Ciência da Informação pela mesma instituição (2008). Atualmente é professora assistente da Escola de Ciência da Informação da Universidade Federal de Minas Gerais, atuando no Departamento de Organização e Tratamento da Informação, ministrando disciplinas paras os cursos de graduação de Arquivologia e Biblioteconomia. Suas áreas de interesse são: a conformação da ciência arquivística e as políticas públicas de informação para arquivos e bibliotecas;

 

 

  • Abertura: Ivana Parrela,

 

 

Graduada em História pela Universidade Federal de Ouro Preto, especialista em Organização de Arquivo pela USP, mestre e doutora em História pela UFMG, Diretora do Arquivo Público da Cidade de Belo Horizonte / 2000-2004, Conselheira do CONARQ/2001-2005, professora assistente de Arquivologia da UFMG e trabalhou em vários arquivos;

 

 

 

  • Apresentação de trabalhos acadêmicos e/ou profissionais dos alunos (ECI-UFMG/Arquivologia);

Alexandro e Maurício - apresentação

Camila Silva - apresentação

Alexsandra Rosa - apresentação

 

  • Aberto para perguntas ao público.


DIA: 26-10-2011, início 19 hs

  • Abertura: Welder Antônio Silva,

Apresentação


Mestre em Ciência da Informação (UFF/IBICT). Possui especialização em Gestão da Informação e Inteligência Competitiva (UNESA) e graduação em Arquivologia pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO). Atualmente é Analista Legislativo - Arquivista - da Assembléia Legislativa do Estado de Minas Gerais (ALMG), professor assistente da Escola de Ciência da Informação da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e professor convidado do curso de especialização Gestão de Arquivos e Documentos da Pontificia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-Minas). Tem experiência na área de Arquivologia e Ciência da Informação;

 

  • Palestrante: Célia Dias,

Apresentação

 

Possui graduação em Biblioteconomia pela Escola de Ciência da Informação da UFMG (1990), mestrado (2002) e doutorado em Ciência da Informação pela Escola de Ciência da Informação/UFMG (2010). Tem experiência na área de Ciência da Informação, com ênfase em planejamento, implantação, coordenação de projetos e gestão de equipes. Tem atuado na organização de acervos bibliográficos e especiais, em projetos de Gestão de documentos arquivísticos em diversas instituições públicas e privadas do Brasil. Participou como consultora técnica do Projeto de elaboração dos instrumentos de Gestão de documentos arquivísticos para as atividades finalísticas usando a Metodologia DIRKS em 20 órgãos da administração direta do Governo do Estado de Minas Gerais. A pesquisa de doutorado teve como objetivo avaliar a potencialidade da Metodologia DIRKS utilizada para a elaboração dos instrumentos de gestão, para modelar o domínio organizacional através do uso das categorias fundamentais de Ranganatham. Como docente esta atuando atualmente no UNIFOR-MG e FAMIG. Mas, já ministrou aulas na ECI/UFMG, Faculdades Promove e PUCMinas. Desde fevereiro de 2011 tem trabalhado utilizando o blog Fontes de minha criação, como ferramenta de compartilhamento de informação/conhecimento com os alunos do curso de biblioteconomia do Centro Universitário de Formiga, acompanhando e avaliando estas práticas pedagógicas;

  • Palestrante: Daniel Beltran,

Apresentação

 

Graduado em Arquivologia em 2000 pela UNIRIO, pós-graduando do MBA em Gestão e Liderança pela FGV. Pós-graduando no MBA Gestão de Negócios pelo IBMEC. Em 2001 atuou na Embrapa, como Gerente de Objetivo na Área de Informação. Funcionário da Eletrobras desde 2003, onde desde 2009 assumiu a gerência da Divisão de Gestão de Documentos e Informações Corporativas – DAOD e a coordenação do Comitê de Gestão Documental e Bibliotecas do Sistema Eletrobrás – COGESE. Em 2005, cedido pela Eletrobras, trabalhou como Assessor Especial do Prefeito da Cidade do Rio de Janeiro, atuando em seu Gabinete prestando assessoria no levantamento, tratamento e análise de informações da área política. É representante da Eletrobras na Subcomissão do SIGA do Ministério de Minas e Energia, É membro do CONARQ, no segmento associações de arquivistas. Fundou e presidiu por dois mandatos a AAERJ – Associação dos Arquivistas do Estado do Rio de Janeiro. Coordenou a ENARA – Executiva Nacional das Associações Regionais de Arquivologia entre 2006 e 2008, quando atuou como Coordenador-Geral do III Congresso Nacional de Arquivologia (CNA). Atualmente é Presidente do SINARQUIVO – Sindicato Nacional dos Arquivistas e Técnicos de Arquivo;

  • Palestrante: Renato Tarciso Barbosa (UNB),

Apresentação

 

Doutor em História Social pela Universidade de São Paulo, mestre em Biblioteconomia e Documentação pela Universidade de Brasília, especialista em Organização de Arquivos pela Universidade de São Paulo. Professor do Curso de Arquivologia desde 1993 e ocupa, no período de 2005-2006, o cargo de Coordenador de Graduação do Curso de Arquivologia;

 

 

 

 

  • Aberto para perguntas ao público.

DIA: 27-10-2011, início 19 hs

  • Abertura:  Leandro Ribeiro Negreiros (ECI-UFMG);

Apresentação 1

Apresentação 2

 

Graduado em Biblioteconomia pela Escola de Ciência da Informação da Universidade Federal de Minas Gerais (2004). Mestre em Ciência da Informação pela Escola de Ciência da Informação da Universidade Federal de Minas Gerais (2007). Bibliotecário da Assembleia Legislativa de Minas Gerais desde 2009. Coordenador e Professor do curso de especialização Gestão de Arquivos e Documentos do Insituto de Educação Continuada da Pontificia Universidade Católica de Minas Gerais desde 2007. Professor assistente do curso de Arquivologia da Escola de Ciência da Informação da Universidade Federal de Minas Gerais desde 2010.

 

 

  • Palestrante: Wendell Lopes de Assis,

Formação: Arquivologia – Universidade de Brasília – UNB – 2002. Sempre foi servidor público e desempenhou tarefas das mais diversas especificidade, desde o militarismo à atividades como analista legislativo. Sua cronologia: 2001 – Corpo de Bombeiro do Estado de Goiás – Cargo: Soldado do Corpo de Bombeiro Militar. Atividades: além daquelas inerentes ao cargo de bombeiro trabalhou na organização do arquivo da Seção de Atividades Técnicas, responsável pela aprovação dos projetos de incêndio na região. Os frutos do trabalho foram a ampliação da área de atuação;  maior rapidez, eficácia e eficiência no atendimento ao cidadão. 2004 – Departamento de Polícia Federal – Cargo: Agente Administrativo. Atividades – foi responsável pelo arquivo da Coordenação Geral de Controle de Segurança Privada (CGCSP). O arquivo contava com uma massa documental totalmente desorganizada e com um trabalho aplicando as técnicas de arquivologia o arquivo passou a ser elogiado pela rapidez no atendimento. Desempenhou atividades junto ao GTARQ – Grupo de trabalho de Arquivo – na confecção do código de classificação e tabela de temporalidade do órgão e trabalhou na Comissão Permanente de Avaliação de Documentos. A tabela não foi aprovado, por questões internas de entendimento da legislação dentro do Arquivo Nacional. 2009 – Secretaria de Planejamento e Gestão do Governo do Distrito Federal – Cargo: Analista – Arquivologia. Foi responsável pelo arquivo da atividade fim e meio do órgão e trabalhou na implementação do Manual de Gestão de Documentos do Governo de Distrito Federal na administração que trabalhava. Apesar de ter trabalhado apenas 1 ano a implementação da Manual diminuiu dúvidas dos servidores e melhorou o fluxo da informação dentro da Administração Regional. 2010 aos dias atuais – Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais – Analista Legislativo – Arquivologia. Trabalhou na organização dos documentos da IV Assembleia Constituinte. Atividades normais do arquivo – atendimento, consultas, arquivamento de documentos, recolhimento, Planejamento, entre outras. Ministra aula de noções introdutórias de práticas arquivísticas, no interior do Estado, no programa “Exposição Itinerante Formação do Povo Mineiro”;

 

  • Palestrante: Os Arquivistas da UFMG;

Apresentação

 

PROJETO DE POLÍTICAS DE ARQUIVO DA UFMG - UMA PROPOSTA DOS ARQUIVISTAS DA UFMG PARA A ELABORAÇÃO E A IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA E DAS POLÍTICAS DE ARQUIVO DA UNIVERSIDADE.

 

ANA LÚCIA S. DO CARMO. Graduada em Arquivologia pela Universidade de Brasília (UnB) e pós graduada em Arquitetura e Organização da Informação (ECI/UFMG). Há um ano e meio é arquivista da Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas (FAFICH/UFMG), onde apresentou plano de trabalho para os arquivos da Unidade, alvo do tema de seu TCC na Especialização. Anteriormente atuou no Tribunal de Justiça do Estado do Goiás, onde foi a primeira arquivista da instituição. No momento atua na organização dos acervos correntes de alguns setores da FAFICH, além da conscientização e capacitação dos funcionários na área de arquivos e juntamente com seus colegas arquivistas da Universidade tem trabalhado em prol da implantação do Sistema de Arquivos da UFMG.

JÚNIA TEREZINHA MORAIS RAMOS - Graduada em Arquivologia pela Universidade Federal de Santa Maria, especialista em Arquitetura e Organização da Informação pela Escola de Ciência da Informação da Universidade Federal de Minas Gerais. Antes de ser servidora pública, projetou e implantou sistema de arquivo em uma empresa privada, e atualmente é arquivista da UFMG, lotada no arquivo permanente da Biblioteca Universitária, procura criar condições para que os princípios de tratamento arquivístico de documentos sejam implantados na BU, e junto aos arquivistas da UFMG, propõe-se a implantação do Sistema de Arquivos da UFMG.

 

  • Aberto para perguntas ao público.